quinta, 29 de outubro de 2020 - 17:06h - 905
Escolas do Amapá aderem à sala de planejamento como ferramenta de organização educacional
Implementado em setembro, o projeto já conta com 112 escolas e deve ser replicada em todas as instituições da rede estadual.
Por: Valdeí Balieiro
Foto: Vandy Ribeiro
O ambiente é padronizado e feito pesando em um contexto de educação cada vez mais integrada.

Na manhã desta quinta-feira, 29, a Secretaria de Estado da Educação (Seed) foi apresentada à mais uma escola que aderiu e concluiu a sua sala de planejamento. O ambiente é padronizado e feito pensando em um contexto de educação cada vez mais integrada.

Desde a implantação da sala na escola estadual Jesus de Nazaré, mais 112 escolas aderiram ao projeto. Desse total, 11 escolas já possuem os ambientes e outras estão sendo executadas.

Na escola estadual de Gestão Militar Risalva Freitas do Amaral, na zona norte de Macapá, o espaço veio para somar à estratégia que os professores da unidade vêm empregando com os estudantes.

“Somos carentes de espaço e não tínhamos uma sala especifica para tratarmos sobre planejamento pedagógico com toda a equipe educacional. Portanto, é um reforço enorme para o ensino-aprendizagem e um grande avanço para os professores e para toda a comunidade escolar”, disse o tenente D.Alves, diretor adjunto da escola Risalva Freitas.

Na sala de planejamento, a coordenação pedagógica da escola e seus professores poderão compartilhar conhecimentos, ideias, opiniões e pontos de inspiração, além de utilizar tecnologias de maneira criativa e inovadora.

Para a coordenadora pedagógica da escola estadual Antônio Lima Neto, Fabrícia Carvalho, os professores passaram a incluir ferramentas digitais em suas metodologias de ensino, e a sala de planejamento dará um suporte para que eles planejem melhor e executem visando a qualidade do aprendizado ao aluno.

“Para a nossa escola é de fundamental importância essa sala, porque teremos um ambiente onde trataremos diretamente a questão pedagógica. Tendo em vista que os professores tiveram que passar a usar, cada vez mais, ferramentas digitais para poderem levar conhecimento aos estudantes. Como estaremos nesse ensino, é necessário que venhamos à reunir com os professores, por área, para discutir as metodologias e aplicá-las de forma que o estudante dê retorno do aprendizado”, pontuou a coordenadora pedagógica.

O local possui itens como computadores com acesso à internet, bloco de cavalete, projetor e tela de projeção, mesas e cadeiras compartilhadas, além de visualização das metas, indicadores e principais informações da escola ambiente.

De acordo com a secretária de Educação, Goreth Sousa, a sala é local de diálogo com os professores e planejamento do novo normal para a educação.

“A sala de planejamento é para debater sobre o ensino aprendizagem, competência e habilidades. Além disso, é local de conversa sobre o ensino híbrido e de estudo sobre dados, cenários, metodologias e práticas pedagógicas diferenciais”, concluiu Goreth Sousa.

GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2015 - Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá